resep masakan

Pedagogia

MODALIDADE: Licenciatura

DURAÇÃO: 4 anos (8 semestres)

CARGA HORÁRIA: 3.270 h


A iniciativa da implantação e implementação do Curso de Licenciatura em Pedagogia ocorreu frente às alterações propostas pela RESOLUÇÃO CNE/CP Nº 1/2006, que institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para essa licenciatura. Dessa maneira, frente às novas orientações postuladas, tornou-se necessária a implementação de uma proposta pedagógica para o Curso de Licenciatura em Pedagogia, que contemplasse e incluísse aspectos apontados na Resolução CNE/CP de 05/2006.

O curso é vinculado ao sistema da Universidade Aberta do Brasil (UAB) da SEED-MEC, sendo concebido a partir das Diretrizes Curriculares Nacionais, estando vinculado ao Centro de Educação Aberta e a Distância (CEAD). Atualmente, o curso possui 24 Polos de Apoio Presencial localizados nos estados de Minas Gerais, Bahia e São Paulo.

 

Matriz Curricular
 

 

Orientações do Colegiado


Vídeo nº 1 - "Orientações do Colegiado de Pedagogia"

+ Projeto Pedagógico do Curso

Projeto Pedagógico do Curso

+ Perfil do Profissional

O perfil profissional dos egressos do curso está relacionado com a compreensão das relações individuais e coletivas presentes nas manifestações e nas necessidades sociais, políticas, físicas, cognitivas, emocionais e afetivas dos alunos por meio da assimilação e da busca contínua pela responsabilidade pelo próprio processo de ensino e aprendizagem.

O projeto pedagógico do curso fornece condições para que os egressos atuem como sujeitos ativos e participantes da rede de conhecimentos estabelecida, apresentando flexibilidade intelectual e potencial para evoluírem e se desenvolverem por meio da formação continuada. Essa abordagem está de acordo com o Art. 2º das Diretrizes Curriculares para o Curso de Pedagogia - Resolução CNE/CP N° 1/2006, aplicando-se principalmente à formação inicial para o exercício da docência na Educação Infantil e nos anos iniciais do Ensino Fundamental. De acordo com o Art. 4º dessas diretrizes, é possível a atuação profissional dos egressos nos cursos de Ensino Médio, na modalidade Normal, de Educação Profissional na área de serviços e apoio escolar e em outras áreas nas quais sejam previstos conhecimentos pedagógicos. Assim, as competências e as habilidades desenvolvidas no decorrer do curso atendem ao perfil profissional dos egressos do curso, pois estão em concordância com as diretrizes curriculares nacionais, nas quais os egressos devem desenvolver:

  • A compreensão ampla e consistente do fenômeno e da prática educativos que se dão em diferentes âmbitos e especialidades.

  • A compreensão do processo de construção do conhecimento no indivíduo inserido em seu contexto social e cultural.

  • Capacidade de identificar problemas sócio-culturais e educacionais propondo respostas criativas às questões da qualidade do ensino e medidas que visem superar a exclusão social.

  • A compreensão e valorização de diferentes linguagens manifestas nas sociedades contemporâneas e de sua função na produção do conhecimento.

  • A capacidade de identificar as dinâmicas culturais relacionadas ao fenômeno educativo e de planejar intervenções pedagógicas que as considerem.

  • Capacidade para identificar a problemática pedagógica envolvida na educação das pessoas com necessidades educativas especiais.

  • A capacidade de articular o ensino e a pesquisa na produção do conhecimento e da prática pedagógica.

  • A capacidade de utilizar os conhecimentos sobre a realidade econômica, cultural, política e social brasileira para que possam compreender o contexto e as relações em que está inserida a prática educativa.

  • O compromisso com a ética de atuação profissional e com a organização democrática da vida em sociedade.

  • A articulação da atividade educacional nas diferentes formas de gestão educacional, na organização do trabalho pedagógico escolar, no planejamento, execução e avaliação de propostas pedagógicas da escola.

  • A capacidade de promover uma prática educativa que considere as características dos alunos e de sua comunidade, os temas e as necessidades do mundo social e os seus princípios, as prioridades e os objetivos do projeto educativo e curricular e conhecer e dominar os conteúdos básicos relacionados às áreas/disciplinas de conhecimento e às questões sociais que serão objeto da atividade docente, adequando-os às atividades dos alunos.

  • A compreensão dos processos de ensino e aprendizagem na escola e as suas relações com o contexto no qual se inserem as instituições de ensino.

  • A elaboração de projetos pedagógicos, sintetizando as atividades de ensino, gestão escolar e orientação educacional.

  • A capacidade de realizar atividades de planejamento, organização, coordenação e avaliação pautadas em valores como a solidariedade, a cooperação, a responsabilidade e o compromisso.

  • O estabelecimento de relações de parceria e colaboração com a comunidade externa à escola e, de modo especial, com os pais dos alunos, a fim de promover sua participação na comunidade escolar e uma comunicação fluente entre os egressos e a escola.

+ Objetivos Gerais

A proposta do projeto pedagógico do curso é a realização de um trabalho pedagógico que busca a formação de professores que possam adquirir os referenciais teóricos e práticos que os auxiliem a refletirem sobre o sistema educacional, podendo transformá-lo.

Assim, o projeto pedagógico possibilita uma formação que permite aos professores que atuam na educação de crianças, adolescentes, jovens e adultos, bem como aos futuros professores, aprimorarem os seus conhecimentos para que possam participar de políticas públicas de valorização desses profissionais, permitindo-lhes conquistar a própria identidade como professores e educadores.

Nesse contexto, o objetivo geral do Curso de Licenciatura em Pedagogia, na modalidade a distância, está relacionado com a formação e a profissionalização de educadores visando à apropriação de competências e conhecimentos necessários ao exercício da ação docente; ao desenvolvimento de atitudes de reflexão e análise da atuação pedagógica, ao desenvolvimento de valores para uma atuação competente na sociedade como agentes de transformação a partir da identificação e análise das dimensões sociopolíticas e culturais do meio no qual estão inseridos.

+ Objetivos Específicos

Os objetivos específicos estão relacionados com:

  • O desenvolvimento de atividades de ensino e aprendizagem desenvolvidas nesse curso, objetivando ampliar a reflexão quanto ao fazer pedagógico e as suas implicações na realidade social;

  • Estimular o domínio dos conteúdos disciplinares relativos à docência das diferentes áreas que integram o currículo, bem como das respectivas metodologias;

  • Recursos e meios visando o preparo de ambientes de aprendizagem e a condução de situações educativas;

  • Possibilitar a compreensão dos fundamentos epistemológicos das teorias que sustentam as propostas pedagógicas para a educação;

  • Promover uma postura científica ativa, criativa e reflexiva diante de problemas da educação e especificamente da docência; capacitar para a atuação no planejamento, organização e gestão do Sistema de Ensino com competência técnica, científica e ética visando à democratização das relações sociais interiores e exteriores à comunidade escolar;

  • Contribuir para ações concernentes ao desenvolvimento do projeto pedagógico da instituição na qual atua, de modo a desenvolver as suas atividades pedagógicas em consonância com as atividades coletivas, de maneira interdisciplinar e de interlocução com os diversos campos do saber e da cultura e, também, estimular a participação em movimentos socioculturais da comunidade e de sua categoria profissional, em particular, exercendo liderança e assumindo compromisso com a transformação social de seu meio.

+ Metodologia

O ensino a distância é caracterizado como uma modalidade educacional na qual a mediação didático-pedagógica nos processos de ensino e aprendizagem ocorre com a utilização de meios que utilizam a tecnologia de informação e comunicação por meio dos quais os alunos, tutores presenciais e a distância e os professores desenvolvem atividades curriculares em lugares e tempos diversos.

Além das comunicações realizadas virtualmente por meio do ambiente virtual de aprendizagem (AVA), a plataforma Moodle, os alunos estão vinculados a um polo de apoio presencial, que é o espaço apropriado para a realização de encontros presenciais com os professores, tutores, e colegas.

No polo, os alunos realizam as provas presenciais, os exames especiais, os seminários e outras atividades presenciais de acordo com o proposto pelo calendário acadêmico. No ensino a distância, os alunos administram a própria aprendizagem, pois são os responsáveis pelo processo de ensino que é desencadeado no AVA, construindo o seu próprio método para melhor aproveitarem os conteúdos disponibilizados nesse ambiente de estudo.

Nesse contexto, como o currículo e o conhecimento devem ser percebidos como produtos de relações sociais e históricas, que são orientados por meio da perspectiva crítica do ciclo ação-reflexão-ação, então, quatro conceitos servem de elo entre as diferentes áreas e núcleos do conhecimento e, também, como um fio condutor para a base metodológica do curso:

  1. Historicidade: esse conceito permite que os alunos percebam que o conhecimento se desenvolve em um determinado contexto histórico, social e cultural, estando sujeito às suas determinações.

  2. Construção: esse conceito perpassa as áreas e núcleos de conhecimento para que os alunos compreendam que, se os conhecimentos são historicamente determinados, então, são resultados de um processo de construção que se estabelece no conjunto de relações da humanidade com a natureza e a cultura, que não são lineares e homogêneas.

  3. Diversidade: esse conceito permite que os alunos se conscientizem da diferença da natureza dos conhecimentos, considerando a diversidade de sua abordagem, em razão do enfoque teórico-metodológico escolhido. É importante que os alunos compreendam como as diferentes abordagens determinam posicionamentos políticos na ação educativa, pois o conhecimento trabalhado nas escolas não é neutro.

  4. Cientificidade: esse conceito é trabalhado no decorrer do curso de maneira individual em cada disciplina e, também, multidisciplinar e interdisciplinarmente, a partir da realidade social e dos problemas práticos, considerando a diversidade de conhecimentos específicos e metodológicos inerentes à formação e atuação dos professores nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Esse conceito permeia a matriz curricular do curso destacando-se nas atividades de Práticas de Ensino, Metodologias, Estágio Supervisionado e Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

De uma maneira geral, metodologicamente, o projeto pedagógico do curso explicita de um modo detalhado a ação didático-pedagógica desenvolvida no processo de ensino e aprendizagem, como por exemplo, o funcionamento da tutoria, a utilização dos materiais instrucionais e os processos de avaliação interna e externa do curso. No entanto, é importante reexaminar constantemente a metodologia definida para o desenvolvimento das atividades desenvolvidas para que se possa contemplar a interdisciplinaridade com o desenvolvimento do espírito científico e com a formação de alunos autônomos e cidadãos.

+ Formas de avaliação

Cada disciplina constante na matriz curricular do curso apresenta atividades específicas, propostas na plataforma pelos professores, que são acompanhadas e corrigidas pelos professores, tutores presenciais e a distância.

Atendendo ao Art. 4º do decreto nº 5622/2005, a avaliação do desempenho dos alunos para fins de promoção, conclusão de estudos e obtenção de diplomas ou certificados dar-se-á no processo, mediante o cumprimento das atividades programadas e a realização de exames presenciais.

O §1° desse decreto estabelece que esses exames são elaborados pela própria instituição de ensino credenciada, de acordo com procedimentos e critérios definidos no projeto pedagógico do curso. As provas presenciais e as avaliações presenciais de exame especial são realizadas nas cidades polos, preferencialmente, aos sábados, de acordo com o calendário acadêmico divulgado semestralmente na página do CEAD.

O §2° determina que os resultados dos exames especiais prevaleçam sobre os demais resultados obtidos em quaisquer outras formas de avaliação a distância.

O Art. 15 do CEPE 3428/2008 informa que a aprovação em qualquer disciplina de cursos de graduação, na modalidade a distância, somente ocorrerá se os alunos obtiverem, no mínimo, 75% (setenta e cinco por cento) da freqüência às atividades previstas no ambiente virtual de aprendizagem com a obtenção de no mínimo média 6,0 (seis), em uma escala de zero a 10,0 (dez), inclusive no Trabalho Conclusivo de Curso (TCC).

A apuração da freqüência no Curso de Licenciatura em Pedagogia está vinculada ao número de atividades, pontuadas ou não, executadas pelos alunos na plataforma Moodle (AVA).

As provas presenciais podem ser pontuadas com um valor de até 6,0 (seis) pontos, por exemplo, duas provas valendo 3 pontos cada, de acordo com o critério adotado e divulgado pelos professores em seu programa de disciplina.

As atividades não presenciais pontuadas desenvolvidas no ambiente virtual de aprendizagem recebem, no máximo, o valor de 4 (quatro) pontos.

A nota dos alunos será a somatória das notas da avaliação presencial e das atividades não presenciais pontuadas. Os alunos que obtiverem nota inferior a 6,0 (seis) e frequência igual ou superior a 75% participam da realização do exame especial, cuja nota varia zero a 10,0 (dez). Os alunos que tiverem nota igual ou superior a 6,0 (seis) e frequência inferior a 75% estão reprovados enquanto que os alunos que tiverem nota inferior a 6,0 (seis) e frequência inferior a 75% também estão reprovados, não podendo participar do exame especial. Esses alunos são matriculados na reoferta das disciplinas.

De acordo com as especificidades de cada disciplina, as avaliações presenciais são realizadas por meio de uma ou mais provas, seminários ou outras atividades presenciais planejadas pelos professores. Essas avaliações são aplicadas em datas estipuladas de acordo com o calendário acadêmico.

+ Requisitos para Diplomação

Após a integralização curricular, seguir a orientação contida no portal Minha UFOP para colação de grau e expedição do diploma.

+ Polos Presenciais

Curso ofertado nos polos:

Águas Formosas – MG

Alterosa – MG

Araguari – MG

Barão de Cocais – MG

Camaçari – BA

Caratinga – MG

Coromandel – MG

Dias D´Ávila – BA

Divinolândia de Minas – MG

Esplanada – BA

Ipatinga – MG

Itanhém – BA

Itapevi – SP

Jandira – SP

João Monlevade – MG

Lagamar – MG

Lagoa Santa – MG

Mata de São João – BA

Ouro Preto – MG

Passos – MG

Salvador – BA

São João da Boa Vista – SP

São Sebastião do Passé – BA

Sete Lagoas – MG

Simões Filho – BA

+ Tutores

Lista de Tutores

+ Membros do NDE
+ Membros do Colegiado

 

 


Secretaria Acadêmica

(31) 3559.1460

 

Secretaria do Curso

Kátia Silva Tomaz

(31) 3559.1354

Atendimento externo:

2ª feira - 9h às 11h
3ª a 6ª feira - 14h às 16h

 

Coordenação de Tutores

Prof. André Felipe Pinto Duarte

(31) 3559.1936

 

Coordenação do Curso

Prof.ª Janete Flor de Maio Fonseca

(31) 3559.1947

Núcleo Docente Estruturante

Prof.ª Márcia Ambrósio Rodrigues Rezende

(31) 3559.1915